1/3
Buscar

A Fé do empreendedor move, transpõe ou contorna montanhas





Acabo de voltar do Caminho da Fé, percurso de 430 quilômetros entre Tambaú/SP e Aparecida/SP, passando por cenários incríveis na Serra da Mantiqueira – incluindo trechos no Sul de Minas Gerais.


Fiz o Caminho não por razões religiosas, as quais respeito totalmente. Decidi encarar as infinitas rotas de terra nas montanhas para me desafiar como pessoa e pela experiência de autoconhecimento e contato com a natureza, que tantos peregrinos comentam.


Optei pela bicicleta, assim como outros aficionados pelo pedal e pela aventura. Foram seis dias de muito suor, cansaço, medo, superação, contemplação e aprendizado.


Retomando minha rotina, ao escrever este artigo, não tive como não perceber que quase todos os termos que usei para resumir a experiência – menos a contemplação, resumem também a vida de quem resolve empreender, em qualquer segmento.


Ora, meus amigos empresários, o que é nossa vida? Senão encararmos, dia após dia, uma sucessão de montanhas – algumas, aparentemente intransponíveis, e não termos outra opção, senão seguir em frente, ainda que com muito medo?


Coragem não é a ausência do medo, mas sim enfrentá-lo, mesmo quando ele nos incomoda e nos desafia. O cansaço não nos vence, o preparo, o planejamento e a estratégia nos ajudam a vencer os trajetos mais acidentados.


O aprendizado diário nos traz também a resiliência necessária para encarar os muitos desafios que a vida empresarial nos reserva, tal como as montanhas da Mantiqueira: quando você vence uma, vem outra, ainda mais alta. E seguimos em frente.


Fé e sucesso a todos!


Adão Lopes

CEO e fundador da VARITUS Brasil

11 visualizações0 comentário